• (71) 3017-7557
  • sinbafba@hotmail.com

Sinbaf

Sindicato Baiano dos Árbitros de Futebol

Manoel Garrido é empossado presidente do Sinbaf

Pelos próximos quatro anos, o Sindicato Baiano dos Árbitros de Futebol será comandado por um dos seus mais dedicados associados. Sempre presente e participativo no dia a dia do Sinbaf, Manoel Nunes Lopo Garrido será o presidente da entidade até 2022.
 
Eleito em junho, o ex-árbitro da Federação Bahiana de Futebol e Confederação Brasileira de Futebol tomou posse na noite de quarta-feira (22). A solenidade, no auditório do Sesc Aquidabã, em Salvador, também empossou toda a nova diretoria, que o acompanhará neste quadriênio.
Foram empossados Raimundo Oliveira Carneiro, como vice-presidente; Guilard Giulius Cícero Alves, como secretário geral; e Adson Márcio Lopes Leal, como diretor tesoureiro. Além deles, a gestão será formada pelo Conselho Fiscal, que terá Gleidson Santos Oliveira, Érica Paula de Jesus da Purificação e Lilson Raimundo Oliveira Vigas, como membros efetivos, e José Geraldo Vaz Nunes da Silva, Luciano Conceição dos Anjos e Denílson Muniz de Menezes, como membros suplentes; e o Conselho de Ética, formado por Marcos Venicios Marcelino Santos, Jocélio dos Santos Alves, Osvaldo Queiroz de Pina, Guilherme Duarte Laranjeira Neto, Jurandir Santos da Hora, Mateus Santiago Oliveira e Romeu Lopes Araújo.
A cerimônia encantou e emocionou a todos que marcaram presença no importante momento. A plateia foi composta por dezenas de associados, árbitros de toda a Bahia e convidados.
Também prestigiaram a posse nomes de relevância no cenário do futebol baiano como o presidente do CREF-BA, Paulo César Vieira Lima; o ex-árbitro FIFA de Futsal, que apitou final de Copa do Mundo, Noildo Paixão; o conselheiro do Esporte Clube Bahia, Ricardo Maracajá; o ex-árbitro da CBF, José Raimundo Dias da Hora; o ex-presidente da ADC Sesc, José Cabral; o árbitro e colaborador do Sinbaf, Ligerval Carvalho Vargas; o ex-árbitro e colaborador especial do Sinbaf, Ivan Amoedo; o coordenador de esportes da Universidade Estadual da Bahia (Uneb), Diógenes Salomão; o ex-árbitro e ex-advogado dos árbitros junto ao TJD, Paulo Baraúna; e o ex-coordenador de arbitragem da FBF, que participou da formação de diversos árbitros de destaque no futebol baiano e brasileiro, Geraldino Cruz, o Capitão Geraldino.
No local, a nova diretoria assinou a ata de posse. Em seguida, a palavra foi aberta e diversos participantes se pronunciaram sobre o importante momento para a arbitragem baiana. 
 
O primeiro a falar foi o agora ex-presidente do Sinbaf, Arilson Bispo da Anunciação, que comandou o Sindicato por duas gestões, de 2010 a 2014 e de 2014 a 2018. O ex-árbitro aproveitou para fazer uma retrospectiva destes oito anos. Mostrou quando e em quais condições assumiu a entidade e tudo que foi feito durante a sua gestão.
"Entre as diversas melhoras e contribuições que demos para o desenvolvimento da arbitragem da Bahia, a conquista que mais me orgulha é a sede própria. Tenho o orgulho e a satisfação de ter adquirido, já nos primeiros quatro anos da minha gestão, a sede própria do Sinbaf, que hoje está avaliada em mais de R$ 200 mil. A aquisição da sede própria era um sonho antigo de vários árbitros durante os 48 anos do Sinbaf. Conseguimos adquiri-la à vista. É um marco da nossa gestão", disse.
 
Arilson também agradeceu a todos que colaboraram para o sucesso da sua gestão. "Agradeço indistintamente a todos os associados, árbitros e colaboradores, em especial a Ana Paula Laranjeira, Érica Paula da Purificação, Ivan Carvalho Amoedo, Filipe Lima e Luiz Carlos Luciano, pessoas que contribuíram enormemente com minha administração. Serei eternamente grato pela dedicação, comprometimento, responsabilidade e lealdade incondicional deles durante esses anos", afirmou emocionado.
 
Por fim, Arilson Bispo deixou uma mensagem para a nova diretoria. “Nossa premissa e o papel do Sinbaf sempre foi o desenvolver o futebol da Bahia e a arbitragem. Que a nova diretoria dê continuidade ao trabalho e leve cada vez mais o Sindicato ao patamar que merece. Que os árbitros possam cada dia mais se desenvolver, representar com dignidade o estado da Bahia no Brasil e no mundo. Continuarei parceiro, apoiando a nova administração, agora como diretor tesoureiro eleito da Associação Nacional dos Árbitros de Futebol (Anaf) na próxima gestão, que será empossada em novembro", completou ele, que foi homenageado com uma placa de agradecimentos pela nova diretoria. 
Logo em seguida, o novo presidente agradeceu o apoio de todos e falou da satisfação, o prazer e o desafio e gerir o Sinbaf. Manoel Garrido garantiu estar preparado para desenvolver o trabalho com excelência e lembrou da sua participação ativa a vida da entidade, independente de cargos, e principalmente na gestão de Arilson Bispo, quando ocupou a função de diretor tesoureiro. 
Na oportunidade, falaram, ainda, Ivan Amoedo, Raimundo Carneiro e Raimundo Dias da Hora. Ao final do evento da solenidade foi realizada uma confraternização com coffee break.
 
CLIQUE AQUI E CONFIRA TODAS AS FOTOS DA POSSE